Les publications sur le Brésil | 2013

A América portuguesa e os sistemas atlânticos na Época Moderna

A América portuguesa e os sistemas atlânticos na Época Moderna

João Fragoso , Roberto Guedes , Thiago Krause
Rio de Janeiro,  Editora FGV, Série História ,   [2013],  184 p.
O objetivo deste livro é expor uma interpretação do Brasil colonial diferente da tradicional, que o resume a um grande canavial escravista, refém do capitalismo dito comercial. O próprio termo colonial surge apenas em fins do século XVIII e traz uma visão de extrema dependência. Num contexto mais geral, provocamos uma reflexão sobre a dinâmica da América e do império ultramarino luso, confrontando-os com o espanhol e o inglês.
Partimos da ideia de que a América lusa e seu sistema atlântico resultaram da ação de ho-mens e mulheres das diferentes sociedades presentes no sul da Europa, África e América. Os agentes europeus trouxeram na bagagem o Antigo Regime católico e suas ideias esta-mentais, de pertencimento à monarquia, de autogoverno dos municípios, de devoções ao além-túmulo etc. Do outro lado do Atlântico, sabemos pouco sobre os valores das popula-ções indígenas americanas e africanas, mas certamente foi com eles que enfrentaram e negociaram com os europeus.
Este processo resultou numa sociedade calcada no Antigo Regime, ainda que diferente: aqui a base foi a escravidão, a mestiçagem e as relações de patronagem/ clientela, terminando por redefinir a estratificação estamental.
 
Sumário
 
Apresentação
Capítulo 1
 
  • O “sentido da historiografia” sobre a chamada
  • economia colonial no início do século XXI
  • Modelos explicativos da economia colonial, monarquias da Europa moderna e a hipótese de Antigo Regime nos trópicos
  • *Novas questões e fontes
  • As perspectivas da historiografia internacional e temas de pesquisa em história social e econômica da América
  • lusa (séculos XVI a XVIII)
  • *Monarquia pluricontinental como hipótese de trabalho
  • *Ao rés do chão do Antigo Regime católico nos trópicos: sociedade
  • escravista e hierarquia social costumeira na América lusa
Capítulo 2
 
  • Formação dos sistemas atlânticos e monarquias: Época Moderna, séculos XVI-XVII
  • As conjunturas do império luso e do Atlântico na virada do século XVI para o XVII
  • A formação de um sistema atlântico católico e escravista nas conquistas lusas
  • Os Impérios atlânticos espanhol e inglês: comparações e perspectivas
Capítulo 3
  • Transformações e consolidação do sistema do Atlântico luso no século XVIII
  • As conquistas lusas na América e o Atlântico Sul em fins do século XVII: o caso do Rio de Janeiro
  • A descoberta da Morada do Ouro e a ampliação do sistema do Atlântico Sul luso: a primeira metade do século XVIII
  • A consolidação do sistema do Atlântico Sul luso e as mudanças na hierarquia social na Praça do Rio de Janeiro e em suas freguesias rurais: a segunda metade do século XVIII
  • Resgate atlântico de cativos, escravidão, populações e mobilidade social: a babel mestiça na América lusa
Conclusão
Glossário
Referências

ISBN : 8-85-225-1411-3
: http://www.editora.fgv.br
EHESS
CNRS
Mondes Américains

flux rss  Actualités

Les origines océaniques des révolutions atlantiques

École d'été - Lundi 04 juin 2018 - 10:00Ce séminaire d'été de cinq jours, qui réunit des spécialistes travaillant à la fois sur l'Atlantique nord et sud et sur l'Ancien et le Nouveau Monde, part d'une hypothèse centrale selon laquelle les pratiques politiques présentes sur les différentes rives (...)(...)

Lire la suite

Jardins et sociabilités

Colloque - Mercredi 09 mai 2018 - 09:15Dans leurs versions publiques et privées, les jardins se constituent comme des espaces privilégiés pour les pratiques de sociabilité. En Occident comme en Orient ils favorisent les rencontres, tout comme l’affirmation des hiérarchies par la mise en place de (...)(...)

Lire la suite

Les pratiques et le local dans les mondes américains

Journée(s) d'étude - Vendredi 18 mai 2018 - 09:00Lors de deux précédentes éditions (2012 et 2014), les journées d’études organisées par les doctorant.e.s de Mondes Américains avaient interrogé la perspective hémisphérique, un des fondements scientifiques de notre laboratoire. Cette nouvelle jour (...)(...)

Lire la suite

Plus d'actualités

CRBC - Mondes Américains / EHESS
54 boulevard Raspail
75006 Paris
T.  +33 (0) 1 49 54 20 85
F.  +33 (0) 1 49 54 25 36

 

Communication :
T.  +33 (0) 1 49 54 24 33

Facebook